Áudio: Padre chama Bolsonaro de “desgraça” e gera polêmica em Tucunduva

A postagem de um padre está gerando polêmica e revolta de fiéis do município de Tucunduva. A cidade tem pouco mais de 5 mil habitantes. No Facebook, o padre Volmir Tusset, ao comentar uma postagem de outro usuário, escreveu, numa referência ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL): “Essa desgraça só não morreu porque a faca devia ser meio cega como seus eleitores”, escreveu, a respeito do atentado sofrido pelo presidenciável em Juiz de Fora. As informações são da Rádio Gaúcha.

A mensagem repercutiu na comunidade e alguns fiéis anunciaram que comunicariam o caso à Diocese. O radialista Zelindo Cancian,da rádio Noroeste, de Santa Rosa, testemunhou a irritação de pessoas que vivem na cidade, através de mensagens e telefonemas à emissora.

O padre disse estar muito arrependido de ter escrito o comentário.

— Peço perdão a todos. Foi um ato impensado. Eu jamais deveria ter feito uma coisa dessas. Eu respeito a todos. Desejo que todos que votam façam uma boa escolha — disse.

O padre não soube explicar se tinha ciência de que aquele era um comentário público, mas disse que tinha apagado o texto.

Questionado sobre o fato de a postagem trazer uma postura contrária ao que é defendido pela Igreja Católica, o padre reconheceu:

— Evidente (que vai contra). Não foi intenção incentivar a violência, ou coisa alguma. Eu peço perdão se ofendi alguém.

Fonte: Rádio Gaúcha

Confira o áudio que circula no WhatsApp da Conversa do Radialista Zelindo Cancian da Rádio Noroeste de Santa Rosa com o padre.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

O comentário é de total responsabilidade de seu autor e está sujeito as leis que regem a utilização deste serviço online.