Cerca de 11,8 milhões de pessoas ainda precisam se vacinar contra a gripe

Até esta terça-feira (12), 42,6 milhões de pessoas foram vacinadas, 77,6% do previsto

A campanha de vacinação contra a gripe foi prorrogada até o dia 22 de junho devido à baixa adesão, alerta o Ministério da Saúde. Com a chegada do inverno, a circulação da gripe se intensifica, e a população prioritária deve estar preparada. Até esta terça-feira (12), 42,6 milhões de pessoas em todo país já haviam sido vacinadas. Mas como a meta do ministério é imunizar 54,4 milhões de brasileiros, 11,8 milhões ainda precisam buscar os postos de saúde.

Segundo a pasta, o número de casos e mortes causadas pela Influenza duplicou em 2018: até 9 de junho, foram registrados 2.715 casos e 446 óbitos em todo o País. Podem se vacinar idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) e pessoas privadas de liberdade. Caso haja disponibilidade de vacinas até o dia 25, a campanha será estendida para crianças de cinco a nove anos de idade e adultos de 50 a 59 anos.

Fonte: Ministério da Saúde

DEIXAR UM COMENTÁRIO

O comentário é de total responsabilidade de seu autor e está sujeito as leis que regem a utilização deste serviço online.