Em observação de novatos, seleção brasileira goleia El Salvador

Com seis alterações e usando todas as substituições permitidas, Tite viu a Canarinho vencer a equipe salvadorenha por 5 a 0 nesta terça-feira
Com estreias em campo, a Seleção Brasileira goleou a equipe de El Salvador por 5 a 0 nesta terça-feira (11), no FedEx Stadium, em Washington (EUA). Os gols foram marcados por Neymar, Richarlison (duas vezes), Philippe Coutinho e Marquinhos.

Observando bem os convocados para os amistosos de setembro, o técnico Tite iniciou a partida com seis mudanças em relação ao teste diante dos Estados Unidos, na última sexta-feira, e ainda fez as seis substituições permitidas na partida. Resultado: ganhou boas opções para o novo ciclo da Canarinho.

O jogo

A goleada brasileira começou logo no início da partida em Washington. Aos dois minutos, Richarlison recebeu entrada do zagueiro Domínguez na área, e o árbitro assinalou o pênalti. Neymar cobrou com tranquilidade para fazer 1 a 0. Depois, aos 15, Neymar arrancou e tocou para a esquerda. Richarlison recebeu e chutou de primeira, no ângulo esquerdo do goleiro Hernández: 2 a 0. Philippe Coutinho quase marcou o terceiro aos 21, mas acertou o travessão. Mas, aos 29, o camisa 11 deixou o dele. Após receber a bola sem marcação na meia-lua, o meia chutou sem chance para o camisa 1 salvadorenho: 3 a 0. A equipe adversária não deu trabalho para a Canarinho. Em uma das pouquíssimas chegadas, aos 42, a bola chegou ao ataque pela direita, mas o cruzamento rasteiro foi cortado por Dedé.

Na volta do segundo tempo, o técnico Tite aproveitou para observar novos jogadores, colocando Felipe e Fred nos lugares de Dedé e Casemiro, respectivamente. Logo aos cinco minutos, Richarlison marcou mais um. Coutinho tentou a jogada individual, foi desarmado na área, e a bola sobrou para o camisa 9 chutar de canhota e fazer 4 a 0. Com a boa vantagem no placar, novas alterações: Everton, Lucas Paquetá, Willian e Andreas Pereira substituíram Coutinho, Richarlison, Douglas Costa e Arthur, respectivamente. E o placar poderia ser ainda maior. Everton beliscou a trave, Hernández defendeu finalizações de Neymar, Willian e do próprio camisa 21. Mas, aos 44, mais uma bola entrou. Neymar cobrou escanteio da esquerda, e Marquinhos subiu sozinho para testar firme e liquidar a fatura: 5 a 0.

Brasil: Neto, Éder Militão, Dedé (Felipe), Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro (Fred), Arthur (Andreas Pereira) e Philippe Coutinho (Everton); Douglas Costa (Willian), Richarlison (Lucas Paquetá) e Neymar.
Fonte: CBF

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.