Operações contra tráfico de drogas e homicídios prendem 30 pessoas no interior do RS

Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP.
Com o avanço de organizações criminosos para o interior do Rio Grande do Sul, o número de pontos de tráfico de drogas e também de homicídios – muitos vinculados à venda de entorpecentes – tem aumentado. Para tentar barrar o avanço da criminalidade, a Polícia Civil desencadeou nesta quinta-feira três operações nas regiões Norte, Serra e do Celeiro, que culminaram na prisão de pelo menos 30 pessoas.

Em Santo Augusto, na região do Celeiro, uma organização criminosa foi desarticulada: 14 pessoas foram presas. Já em São Marcos, na Serra gaúcha, foram 11 detidos em uma ação de combate a homicídio e tráfico. Já em Seberi, no Norte, ao menos cinco foram presos – a operação ainda está em andamento e o número pode aumentar.

São Marcos

Se em 2017, apenas duas pessoas foram assassinadas em São Marcos, em dez meses, 2018 já registra 14 assassinatos no município. A operação Parceiros, desencadeada hoje pela Polícia Civil, busca combater esses crimes – que tiveram uma escalada no ano – e também o tráfico de drogas. Ao todo, 11 pessoas foram presas: sete homens e quatro mulheres.

As prisões ocorreram nos bairros Centro, Polo, Colina Sorriso e Francisco Doncatto e envolvem um grupo criminoso que atua na cidade e em Caxias do Sul. A investigação, segundo o titular da delegacia, delegado Edinei Albarello, já dura cerca de dois meses. “Parte dos presos integra uma única família que atua junto a esse grupo”, afirmou. Durante as apurações, outras quatro pessoas já tinham sido presas.
Uma organização criminosa de Santo Augusto foi desarticulada nesta quinta-feira. Foram 14 presos durante a operação Android, que busca barrar o tráfico de drogas na região do Celeiro. A ação apreendeu ainda drogas que contabilizaram R$ 20,7 mil. Durante a investigação, também foram apreendidos quatro veículos utilizados pelo narcotráfico e uma balança de precisão.

Foram cumpridos dez mandados de prisão preventiva (cinco destes alvos já se encontram no sistema prisional) e cinco mandados de busca e apreensão nos municípios de Santo Augusto, Campo Novo, Crissiumal, Muitos Capões, Três Passos, Santa Rosa, Montenegro e Charqueadas.

Participaram das ações 35 policiais civis e 20 policiais militares. A operação Android teve início em julho do ano passado. Só na primeira etapa, foram cumpridas 114 prisões.

Seberi

Já em Seberi, pelo menos cinco pessoas foram presas em na operação Mercado Oculto que combate o tráfico em estabelecimentos comerciais. A ação cumpre 16 mandados de busca e apreensão e sete prisões preventivas. Até as 7h, cinco pessoas foram detidas.
Fonte: Correio do Povo

DEIXAR UM COMENTÁRIO

O comentário é de total responsabilidade de seu autor e está sujeito as leis que regem a utilização deste serviço online.